CURSO RÁPIDO DE ANÁLISE SINTÁTICA

11 mar
Reproduzindo um e-mail que recebi…
 
 
Filho da puta é adjunto adnominal (ou paronomástico), se for “conheci um juiz filho da puta”.
Se for “o juiz é um filho da puta”, daí é predicativo.
Agora, se for “esse filho da puta é um juiz”, daí é sujeito.
Porém, se o cara aponta uma arma para a testa do juiz e diz:
“Agora nega a liminar, filho da puta!” – daí é vocativo.
Finalmente, se for: “O ex-juiz Nicolau dos Santos Neto, aquele filho da puta, desviou o dinheiro da obra pública tal” – daí é aposto.
Que língua, a nossa, não?

****Texto creditado ao Sérgio Nacif

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: